QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 30 de Maio de 2017
notĂ­cias
 Economia
     
FAMATO se reĂșne com governo para discutir preço de pauta da pecuĂĄria no estado

 A área técnica da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) participou de uma reunião com o secretário de Fazenda, Gustavo de Oliveira, para solicitar, mais uma vez, a revisão do preço de pauta da pecuária de corte estabelecido na portaria nº 049/2017, publicada dia 20 de março.“Nosso objetivo na reunião foi cobrar mais uma vez que este nosso pleito seja atendido, conforme os ofícios que protocolamos na Sefaz. Acreditamos que com a atualização da tabela do preço de pauta da secretaria, conforme os dados que já apresentamos, os pecuaristas terão menos impacto na comercialização”, afirmou a gestora do Núcleo Técnico da Famato, Lucélia Avi.Na reunião ficou acordado que a Famato irá trabalhar junto com a Sefaz para atualizar a tabela do preço de pauta da secretaria. O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e a Sefaz-MT também irão discutir programas de incentivos com objetivo de desenvolver o estado.


Depois da operação Carne Fraca, deflagrada dia 17 de março pela Polícia Federal, a necessidade de rever o preço de pauta tornou-se urgente. Antes disso, em fevereiro, a Famato já vinha comunicando o governo do descompasso de preço de venda do produto no mercado físico e o preço de pauta estabelecido pelo Estado. Na portaria constam preços baseados em categorias que não traduzem a realidade dos valores de mercado.Segundo dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), desde novembro de 2014 tem ocorrido uma grande diferenciação entre o preço de pauta do boi gordo da Sefaz e o valor da arroba do boi gordo de mercado. O preço de pauta chegou a ser 22,93% maior que o indicador de mercado em agosto de 2015 e, apesar da diminuição do valor da pauta da última portaria (049/2017), o ágio médio após o reajuste foi de 15,25%.Participaram da reunião a gestora do Núcleo Técnico da Famato, Lucélia Avi, a analista de assuntos tributários Maíra Safra, o superintendente do Imea, Daniel Latorraca, o secretário de Fazenda, Gustavo de Oliveira, os secretários adjuntos Maria Celia de Oliveira Pereira e Vinícius Borges Leal Saragiotto.

 

 




Fonte: Sonoticias/AgronotĂ­cias
 0 ComentĂĄrios  |  Comente esta matĂ©ria!
 Mais Economia
29/05/2017
26/05/2017
25/05/2017
23/05/2017
22/05/2017
19/05/2017
17/05/2017
16/05/2017
12/05/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
Enquete

InĂ­cio   -   Eventos   -   VĂ­deos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conheça Juara
© 2017 - Juara Net