QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 20 de Agosto de 2018
notícias
 Juara
     
Ministério da Agricultura realizará auditoria no INDEA de Juara no mês de março

Imagem:Juaranet


 O Ministério da Agricultura estará realizando auditoria entre os dias 19 a 23 de março no escritório local do INDEA de Juara e nos municípios de Cáceres,São José dos Quatro Marcos, Pontes e Lacerda, Vila Bela da Santíssima Trindade, Lucas do Rio Verde e Juína. De acordo com o responsável pela ULE de Juara, Márcio Rogério Dreher, o objetivo desse trabalho é avaliar quatro componentes críticos, considerados fundamentais pela Organização Mundial da Saúde (OIE),que são: recursos humanos, físicos e financeiros; autoridade e competência técnica; interação com as partes interessadas e capacidade de acesso a mercados, além da conformidade com as normas existentes, como também os auditores deverão avaliar todos os programas desenvolvidos pelo INDEA e suas ações técnicas e suporte financeiro. Para o responsável pela UVL de Juara ( Unidade Veterinária Local), o Médico Veterinário Eder Toledo,"A avaliação realizada pelo Mapa consta no Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA) 2017-2026, é uma avaliação padrão para todos os estados e é baseado no cheklist da OIE.


De acordo com o PNEFA o serviço veterinário oficial, que em Mato Grosso é o Indea, deverá promover melhorias técnicas e estruturais sustentáveis, identificando fragilidades e corrigindo-as no menor tempo, priorizando as áreas mais vulneráveis e estratégicas. O Plano cita ainda que a qualidade da gestão técnico-operacional, organizacional e financeira do serviço veterinário oficial é fundamental para o alcance dos objetivos sanitários, nesse caso, a erradicação e prevenção da febre aftosa".O MAPA ( Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento), já realizou em 2017 uma auditoria na central administrativa do INDEA, na capital do estado, com o objetivo de diagnosticar a situação financeira do órgão para garantir que as atividades técnicas de defesa agropecuária estariam sendo cumpridas de acordo com as normas nacionais e internacionais.Nessa trabalho os auditores identificaram falta de dotação orçamentária para o exercício de 2017 para execução das atividades da área técnica e manutenção do orgão fiscalizador, que poderia desencadear prejuízos para as ações desenvolvidas e até mesmo paralização do funcionamento do INDEA.


Eder Toledo, informou ainda que com a retirada da vacinação, devem ocorrer mudanças significativas no formato de atuação do serviço veterinário oficial, que deverá se voltar para os mecanismos de prevenção e vigilância, visando ampliar a capacidade de detecção precoce e resposta rápida às possíveis ocorrências de febre aftosa. Nesse momento, a parceria entre o serviço veterinário oficial e o produtor devem se fortalecer, uma vez que, o produtor é o primeiro contato na detecção de qualquer foco de doença.(Com Asssessoria)




Fonte: Juaranet
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Juara
15/08/2018
13/08/2018
11/08/2018
10/08/2018
09/08/2018
08/08/2018
07/08/2018
04/08/2018
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
EDITADO 3
Enquete

Início   -   Eventos   -   Vídeos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conheça Juara
© 2018 - Juara Net