QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 22 de Julho de 2017
notícias
 Mato Grosso
     
Pintor diz que estuprava enteada com problemas mentais porque ela tem desejo no interior de MT

 RAUL BRADOCK


 

A Polícia Civil cumpriu um mandado de prisão contra Luiz Dimas de Melo Oliveira, 55 anos, na quinta-feira (11), por ter agredido e estuprado a enteada em Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá). Nas investigações ficou comprovado que a vítima, de 34 anos, sofre transtornos mentais e tem um filho de três anos, que seria fruto dos abusos constantes.O processo do agressor segue em segredo de Justiça e as informações foram obtidas com exclusividade pelo Reporter MT . Conforme o investigador Ary Câmara, a companheira do pintor, que é mãe da deficiente, consentia os abusos.Conforme o investigador, Luiz confirmou que mantinha relação sexual com a deficiente, o que caracteriza o crime de estupro de vulnerável.“Quando ele foi preso, disse o seguinte: Ela tem desejo, se não for comigo, vai ser com outro. Então ele é réu confesso, porque falou isso para o policial”.

O investigador explica que o filho que a vítima tem com agressor também apresenta sinais de deficiência.“Ele é amigado com uma senhora e a filha dela tem 34 anos, mas já foi comprovado que ela tem mentalidade de quatro anos. Ele tem um filho com a deficiente, de 03 anos e a criança sequer conversa”, relata Câmara.Essa é a segunda vez que o pintor é preso, inclusive, pelo mesmo investigador. Conforme as investigações, o inquérito comprovando os crimes foi concluído em agosto de 2015, mas o criminoso foi solto e voltou para casa. A comprovação de que os abusos sexuais continuavam acontecendo se deu após a visita de uma equipe da assistência social, na casa do agressor.Segundo Câmara, a vítima relatou como os abusos aconteciam. “Quando ela foi entrevistada para saber como era a relação, ela pegou uma bonequinha e encenou os abusos”, explica o investigador, relatando a comprovada deficiência da mulher.Segundo a polícia, o criminoso fazia uso de álcool e outras substâncias e era muito agressivo com a mulher. Em uma das vezes que chegou embriagado em casa, começou a quebrar todos os móveis e constantemente destruía bens pessoais da companheira. Em uma outra situação, chegou a agredir a própria filha com empurrões e ameaças de morte.Luiz Dimas não resistiu no momento da prisão. Ele será encaminhado para o presídio Major Eldo de Sá, a Mata Grande, nesta sexta-feira (12).

 

 

 

 





Fonte: Reporter MT
 0 Coment√°rios  |  Comente esta mat√©ria!
 Mais Mato Grosso
21/07/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
Enquete

In√≠cio   -   Eventos   -   V√≠deos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conhe√ßa Juara
© 2017 - Juara Net