QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 22 de Fevereiro de 2018
notícias
 Mato Grosso
     
Vigil√Ęncia Epidemiol√≥gica descarta caso de febre amarela em Mato Grosso

Imagem: Reprodução


 A Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso, por meio de Nota Informativa da Vigilância Epidemiológica esclarece sobre a recente divulgação por parte do Ministério da Saúde do registro de um caso de febre amarela em humano no Estado. Confira a íntegra da Nota Informativa.


NOTA INFORMATIVA

ASSUNTO: Caso de febre Amarela notificada em 2016 em MT


A Secretaria de Estado da Saúde do Mato Grosso informa que a notificação de febre amarela que consta no Sinam em 2016, referente ao paciente J.O.P. de 70 anos do município de Comodoro foi indevidamente confirmada.


O paciente esteve em viagem no estado de Minas Gerais e após 30 dias de seu retorno os sintomas iniciaram, procurou atendimento médico no referido município. Diante dos sintomas apresentados pelo paciente houve várias suspeitas e para confirmação foram coletadas amostras para os seguintes exames: Hantavírus, Arbovírus, Histoplasmose, Aspergilose, Leptospirose e Febre Mayaro. O paciente ficou hospitalizado recebendo atendimento e antes que fossem processados todos os exames o mesmo veio a óbito.Dentre os exames realizados o único que apresentou resultado positivo foi o de Arbovírus com agente etiológico Flavivírus (Req. nº 150107000284 do GAL- gerenciador de Ambiente laboratorial-mt.gov.br). Com esse resultado positivo a amostra foi testada especificamente para Febre amarela IgM (Req. nº 150107000284 do GAL- gerenciador de Ambiente laboratorial-mt.gov.br) e o resultado foi recebido no dia 09/01/2017 como Não Reagente.Assim sendo a área técnica da SES entrou em contato com o ERS de Pontes Lacerda e com o município de Comodoro informando o resultado e orientando que a ficha fosse descartada do Sistema de Informação- SINAN e no dia 25/04/2017 as informações foram repassadas ao Ministério da Saúde no e-mail do COES (Controle de Operações Emergenciais em Saúde).


Cuiabá 06 de Fevereiro de 2018


Alba Valéria Gomes de Melo Via


Gerente de Vigilância de Doenças e Agravos Endêmicos




 




Alessandra Cristina Ferreira de Moraes




Coordenadora de Vigilância Epidemiológica

 




Fonte: SES-MT
 0 Coment√°rios  |  Comente esta mat√©ria!
 Mais Mato Grosso
21/02/2018
20/02/2018
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
Enquete

In√≠cio   -   Eventos   -   V√≠deos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conhe√ßa Juara
© 2018 - Juara Net