QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 14 de Dezembro de 2017
notícias
 Pol√≠tica
     
Estado abre di√°logo sobre RGA e servidores suspendem reuni√£o para decidir greve

 DIEGO FREDERICI 


 

O Fórum Sindical, organização que reúne as diversas classes dos servidores públicos estaduais de Mato Grosso, suspendeu a Assembleia Geral do dia 15 de maio onde seria tratada a possibilidade de uma nova greve geral no Estado. A pauta do encontro seria a discussão sobre a possibilidade de greve em razão da “falta de diálogo do poder executivo estadual”. 

A suspensão ocorreu após o secretário de Gestão, Júlio Cezar Modesto dos Santos, agendar uma reunião com os sindicalistas até a próxima quinta-feira. “Em virtude desta posição do governo de se comprometer a receber o fórum sindical para discussão da pauta de reivindicações , que os Dirigentes resolveram suspender a Assembleia Geral Unificada do dia 15/5, marcando para outra data futura”, diz trecho de nota encaminhada pelo Fórum Sindical.Antes da reunião com o secretário, o FOLHAMAX conversou com o presidente do Sindicato dos Servidores da Saúde e do Meio Ambiente de Mato Grosso (Sisma-MT), Oscarlino Alves. Ele comentou um outro encontro realizado pelo Fórum Sindical na manhã desta segunda-feira. Após a reunião, o líder sindical disse que o grupo se dirigiria até a Seges-MT para tentar uma audiência com o chefe da Seges-MT.

Oscarlino afirmou por telefone que a postura adotada pelos servidores será a continuidade da cobrança de informações financeiras do governo, a rejeição a proposta de congelamento dos salários do funcionalismo público estadual, além da tentativa de “diálogo” com a gestão Pedro Taques (PSDB). “O encaminhamento é de continuar abrindo portas para o diálogo. No ano passados discutíamos de portas abertas. Nós queremos enfrentar essa situação. Não queremos fazer greve. Mas queremos essa satisfação do Governo”, disse ele.Os servidores reclamam que o poder executivo vem se furtando em discutir a implementação da Revisão Geral Anual (RGA) – dispositivo constitucional que garante a reposição da inflação nos salários dos servidores públicos estaduais -, a proposta de um “teto de gastos públicos” em Mato Grosso, que prevê o congelamento do salários no funcionalismo, além da possibilidade de aumento de desconto em folha para custeio das aposentadorias dos trabalhadores – passando e 11% para 14%.

O Fórum Sindical também exige do Governo do Estado uma solução para o rombo no MT Prev, a autarquia que faz a gestão das aposentadorias dos servidores públicos estaduais.

Íntegra da nota do Fórum Sindical:

O Fórum Sindical comunica que acaba de sair do gabinete do Secretario de Gestão, Dr. Julio Modesto na tentativa de obter respostas aos ofícios 19 e 22/2917 que solicita audiência acerca.da pauta coletiva das carreiras do Poder Executivo.

O secretário Julio interrompeu agenda , e na recepção do gabinete da gestão sossegou aos inúmeros dirigente ali presentes, que convocará o Fórum Sindical para uma audiência, comunicando está dará até no máximo quinta feira 11/5.

Em virtude desta posição do governo de se comprometer a receber o fórum sindical para discussão da pauta de reivindicações , que os Dirigentes resolveram suspender a Assembleia Geral Unificada do dia 15/5, marcando para outra data futura.

A Coordenação.

 

 

 

 

 




Fonte: Folhamax
 0 Coment√°rios  |  Comente esta mat√©ria!
 Mais Pol√≠tica
13/12/2017
12/12/2017
11/12/2017
09/12/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
Enquete

In√≠cio   -   Eventos   -   V√≠deos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conhe√ßa Juara
© 2017 - Juara Net