QUEM SOMOS   I   CONTATO

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Juara/MT - 16 de Agosto de 2018
notícias
 Pol√≠tica
     
Janaina Riva garante j√° contar com 8 assinaturas para abrir CPI dos grampos e cobra andamento de impeachment contra Taques

 Por conta da ausência na capital de alguns deputados que já confirmaram que assinarão o requerimento para abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os grampos ilegais em Mato Grosso e a participação de autoridades do Poder Executivo, do Judiciário e do Ministério Público neste crime, a deputada estadual Janaina Riva (MDB) anunciou que o documento será apresentado na próxima sessão plenária, marcada para o dia (07.08). Janaina anunciou ainda que não vai aceitar que a instalação da CPI seja feita somente após as eleições, como foi cogitado na sessão matutina.“Quero deixar claro que não existe nenhum acordo para que essa CPI seja apreciada somente pós-eleições. Cada um dos parlamentares aqui tem legitimidade para propor uma CPI e para recolher as assinaturas para que se faça uma séria comissão parlamentar de inquérito para tratarmos desse tema que pra mim não é novidade, mas que agora veio à tona a participação direta do governador Pedro Taques, através da confissão do cabo Gerson. O requerimento de abertura da CPI só não está sendo apresentada porque alguns dos colegas que vão assinar não estão presentes na capital, mas semana que vem nós vamos apresentar a CPI. Se os demais colegas quiserem assinar serão bem vindos, mas nós já temos número suficiente para apresentar”, declarou ela durante fala na tribuna.


A parlamentar deixou claro que não acredita nas declarações de alguns deputados da base do governo, que disseram pretender ‘ajudar’ a esclarecer os fatos. “Essa conversa fiada de que os 24 querem ajudar, pra mim não cola. Outra coisa absurda também é dizer que é covardia assinar CPI. Na minha opinião, covardia com o povo é não assinar.  Se os deputados têm compromisso com Mato Grosso e com a verdade vão assinar, principalmente se tratado de uma CPI que vai investigar  Caixa 2 em campanha eleitoral passada, que vai investigar pré-candidatos ao Senado dessa eleição, ou seja, do interesse da população em saber a verdade do que essas pessoas fizeram dentro do estado de Mato Grosso”, disparou.

Janaina afirma que a CPI dos grampos tem legitimidade para acontecer e vai ter legalidade a partir do momento em que apresentar o requerimento com as oito assinaturas exigidas. “Nós vamos brigar por cada uma delas. Inclusive cabe aqui também um pedido de impeachment do governador, que a nossa assessoria jurídica está terminando e nós vamos apresentar também. Falando em impeachment, quero saber por que o presidente Eduardo Botelho ainda não colocou para apreciação plenária o pedido que já tramita nesta Casa contra o governador.  Vai deixar que se cometa mais quantos atos de improbidade administrativa para que possa ser apreciado por esse plenário o pedido de abertura de uma votação de impeachment com relação ao governador?”, finalizou.

 




Fonte: Assessoria
 0 Coment√°rios  |  Comente esta mat√©ria!
 Mais Pol√≠tica
15/08/2018
14/08/2018
13/08/2018
09/08/2018
08/08/2018
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
Artigos
EDITADO 3
Enquete

In√≠cio   -   Eventos   -   V√≠deos   -   Artigos   -   Empregos   -   O Povo Reclama   -   Recados   -   Conhe√ßa Juara
© 2018 - Juara Net